Uma névoa de Outono o ar raro vela,   2 comments

Uma névoa de Outono o ar raro vela,
Cores de meia-cor pairam no céu.
O que indistintamente se revela,
Árvores, casas, montes, nada é meu.

Sim, vejo-o, e pela vista sou seu dono.
Sim, sinto-o eu pelo coração, o como.
Mas entre mim e ver há um grande sono.
De sentir é só a janela a que eu assomo.

Amanhã, se estiver um dia igual,
Mas se for outro, porque é amanhã,
Terei outra verdade, universal,
E será como esta […]

Texto: Fernando Pessoa

Foto: João Carvalho (Elvas, 2015)

Anúncios

Posted 14 de Novembro de 2015 by João Carvalho in Foto, Pensamentos

Tagged with , ,

2 responses to “Uma névoa de Outono o ar raro vela,

Subscribe to comments with RSS.

  1. Linda fotografia! Parabéns!

    Liked by 1 person

  2. Barbaridade de bonito

    Liked by 1 person

Obrigado pelo seu comentário ! João Carvalho

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: