Limbo   1 comment

SONY DSC

É a impotência da vontade que me estrangula a voz. Uma voz que de silenciada, ecoa apenas num corpo em surdina.

Que coisa estranha é essa esganada no meu peito? É mesmo esse pedaço de som que teima em não querer sair. Tem vontade própria e isso respeito.

Vivemos no limbo de uma única certeza incerta – a morte. Mas paralisados andamos há muito e encobertos por uma sombra de pesar penoso que nos impede de mover montanhas e alcançar vidas e sonhos, criando-os.

Intempestivo, o tempo é o mais severo. Passa com uma rapidez inofensiva. E indefeso, intromete-se com vulgaridade, num relógio imparável, incontrolável…

Texto: Eldazinha em http://vivemosdemomentos.blogspot.pt/

Foto: João Carvalho (Elvas, Fevereiro de 2013)

 

 

Anúncios

Posted 3 de Maio de 2013 by João Carvalho in Foto, Pensamentos

Tagged with ,

One response to “Limbo

Subscribe to comments with RSS.

  1. Belo! Texto e imagem!
    Abraço
    Sónia

    Gostar

Obrigado pelo seu comentário ! João Carvalho

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: