Palavras   Leave a comment

SONY DSC

 

 

Escrevo-me.
Escrevo o que existo, onde sinto, todos os lugares onde sinto.
E o que sinto é o que existo e o que sou.
Escrevo-me nas palavras mais ridículas:
amor, esperança, estrelas,
… e nas palavras mais belas:
claridade, pureza, céu.
Transformo-me todo em palavras.

Texto: José Luis Peixoto

Foto: João Carvalho (Alter do Chão, Dezembro de 2012)

Anúncios

Posted 18 de Janeiro de 2013 by João Carvalho in Foto, Pensamentos

Tagged with ,

Obrigado pelo seu comentário ! João Carvalho

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: